Powered by free wordpress themes

Home / Últimas Notícias / Internacionais / Halo enfrenta primeiro acidente em pista e protege piloto da F2

Powered by free wordpress themes

Foto: Russian Time Team

Halo enfrenta primeiro acidente em pista e protege piloto da F2

Por Fernando Santos | terça-feira, 15 de Maio de 2018

Charlie Whiting, diretor de corridas da Fórmula 1, disse que a FIA vai investigar a colisão de Tadasuke Makino na Fórmula 2, no que foi a primeira situação em que o Halo protegeu a vida de um piloto.

Nesta temporada, tanto a F1 quanto a F2 estão competindo com o halo, depois que o dispositivo de proteção do cockpit se tornou obrigatório.

No último domingo a peça enfrentou o primeiro “teste” em condições reais. Makino colidiu na corrida da F2, na Espanha, atingido por Nirei Fukuzumi, na curva quatro do circuito espanhol. Fukuzumi foi lançado para o ar e sua roda traseira esquerda atingiu o halo de Makalo, assim como a tampa do motor e o sidepod.

A Fórmula 1 e a FIA investigarão o incidente, segundo disse Whiting: “Vamos fazer uma investigação sobre o incidente, porque a julgar pelas fotos que vimos, e o acidente em si, parece que poderia ter sido muito pior sem o Halo”, disse o diretor à “Reuters”.

“Quando você olha para as marcas de pneus na carroceria, por trás e por todo o lado do halo, onde as marcas de pneus começam no halo é exatamente onde uma das duas cargas de teste são aplicadas. Mesmo que isso não tenha salvado a vida dele, poderia ter sido desagradável sem o dispositivo”, detalhou Whiting.

Makino afirmou após o acidente que estava “muito grato” ao halo.